Usina Apucaraninha

A Usina Hidrelétrica Apucaraninha possui capacidade instalada de 10 MW. Foi inaugurada em 1949, pela Empresa Elétrica de Londrina S.A., incorporada pela Copel em 1974.

Está localizada no município de Tamarana, distante 85 km do centro de Londrina, na margem direita do rio Apucaraninha, a 1,5 km de sua confluência com o rio Tibagi. A usina localiza-se dentro da reserva indígena de mesmo nome.

Informações técnicas

A usina funciona com o aproveitamento do Salto Grande, com 125 m de altura, no rio Apucaraninha. Dois reservatórios fazem parte do projeto, sendo o menor chamado de Apucaraninha, com um milhão de metros cúbicos, próximo à Casa de Força (que possui 3 unidades geradoras). E o outro, de regularização a montante do primeiro, denominado de FIÚ, com 15 milhões de m3.

Cadastro da população para Plano de Ação de Emergência (PAE)

Em atendimento à Lei nº 12.334/2010 (Política Nacional de Segurança de Barragens) e à Resolução Normativa Aneel nº 6969/2015, a Copel elaborou o Plano de Ação de Emergência (PAE) para a Usina Apucaraninha. O documento final foi entregue oficialmente em 27/11/2019, durante uma reunião realizada em Telêmaco Borba, com representantes da Defesa Civil do Paraná e dos municípios, além de integrantes das prefeituras municipais de Londrina e Tamarana. 

A partir de outubro de 2020, em atendimento à legislação que regulamenta o PAE, a Copel vai iniciar uma atualização do cadastro dos moradores, trabalhadores e proprietários das áreas denominadas Zona de Auto Salvamento (localizadas 10 km após a barragem) e Zona de Segurança Secundária (estendida à toda mancha de inundação) das barragens de Fiú e Apucaraninha, com áreas nos municípios de Londrina e Tamarana. 

Esse cadastro é um instrumento da empresa para estabelecer contato direto com os moradores da área de inundação em caso de emergência. Isso garante a segurança da comunidade lindeira ao rio e que pode ser impactada em uma situação de cheia. Também contribui para o empreendedor saber quais os principais tipos de uso, se existem dificuldades de locomoção entre as unidades familiares e onde se concentram o maior número de pessoas. 

A execução das ações do PAE tem como objetivo envolver a comunidade em atividades preventivas, tais como treinamentos, simulados de abandono da área, campanhas de esclarecimento de dúvidas. 

Em virtude da pandemia do COVID-19, excepcionalmente em 2020, a atualização de cadastro será feita por meio de contato telefônico e envio de e-mail

A Copel informa, ainda, que os dados cadastrais são de uso exclusivo para a formação do banco de dados para a equipe de segurança de barragem da Companhia e da Defesa Civil do Estado do Paraná. 

Para mais informações sobre a usina, acesso a relatórios e estudos ambientais ou cópias de licenças, entre em contato por e-mail: comunicacao.get@copel.com.